Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

voos de mulher

E ela não passava de uma mulher... inconstante e borboleta. [Clarice Lispector]

persisto em ler-te

05.10.21 | voosdemulher

outono.jpg

À medida que os dias de outono avançam, persisto em ler-te porque preciso de o fazer. Entro dentro do meu (teu) universo, que dá continuidade ao meu...

Simples este sentir, esta forma de descrever o momento, os dias, os meus.

(Teresa Matos) 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.